Entenda porque o alongamento para os pés é tão importante - Meu Pé de Conforto

Entenda porque o alongamento para os pés é tão importante

Postado em 30/07/2018

A função dos pés é muito valiosa ao nosso corpo. Apesar de normalmente receber pouca atenção, são eles os responsáveis por toda a sustentação. Por isso, a pressão e sobrecarga que recebem pode comprometer a sua saúde e bem-estar.

Porém, existem formas de aliviar as tensões do dia a dia. Uma das mais eficientes é a adoção de alongamento para os pés, caracterizado por proporcionar condições favoráveis à saúde humana, pois ajudam no relaxamento da musculatura e previnem possíveis lesões.

Existem variações específicas de exercícios que contribuem positivamente para o equilíbrio e cuidados diários com os pés. A seguir veremos a importância do alongamento e dicas para praticá-lo com segurança. Comece o aquecimento e vem com a gente!

Vantagens e cuidados para os alongamentos dos pés

Perceba que os alongamentos usados para os pés podem ser propícios a todo o corpo. Uma das vantagens é o pouco tempo dedicado a cada exercício, o que é favorável às correrias do cotidiano e faz toda a diferença à saúde.

É importante enfatizar que, apesar de serem exercícios considerados fáceis, é necessário atribuir todo cuidado a eles. Isso porque qualquer atividade com intensidades variadas, caso sejam realizadas de maneira incorreta, pode trazer danos ao corpo.

Outro aspecto importante a ser considerado é a relevância do auxílio de um profissional habilitado, para realizar o acompanhamento durante os alongamentos ou outras atividades. Dessa forma, evita-se que sejam causadas lesões nas articulações que comprometam a sua saúde. Para isso, é muito importante a dedicação, cuidado e zelo em si.

Os alongamentos visam o aumento da flexibilidade e do número das fibras musculares. São tipos de exercícios que podem ser variáveis (estáticos ou dinâmicos), dependendo dos objetivos e da preferência de cada pessoa. 

Vale ressaltar que, o ser humano apresenta necessidades específicas e que podem ser variáveis de acordo com o que esteja passando. Logo, a eficiência de tais exercícios dependerá da situação clínica que esteja sendo manifestada.

Os seus efeitos podem ser diversos, como: melhora na amplitude de movimento do tornozelo e pé; afasta a tensão do local, entre outros. No entanto, é preciso estar atento aos sintomas, pois em algumas lesões pode haver necessidade de outros tipos de exercícios e tratamentos. Portanto, o auxílio médico e de um profissional da área é indispensável.

Exercícios de alongamento para os pés

Para melhor informar você sobre esse assunto, preparamos alguns exercícios específicos de alongamento para os pés, que podem ser adotados. Confira.

Parte frontal dos pés

O feixe plantar é uma área do pé constituída por um tecido conjuntivo e com alta densidade, considerada uma região bem problemática que suporta todo o arco inferior do membro.

A adoção de exercícios nessa área proporciona o enrijecimento dos músculos e reduz a intensidade da dor. O movimento que deve ser realizado caracteriza-se da seguinte forma:

  • posicione os calcanhares sobre a pélvis e mantenha a base dos pés esticada;

  • incline para trás em um breve ângulo e em paralelo à contração dos músculos do troco;

  • use a curva dos pés para apoiar o corpo;

  • sustente a posição por 30 segundos, com pausas de 1 minuto e com execução em três repetições.

Peito do pé

Esse exercício contribui para a melhora da amplitude dos movimentos e concentração nos músculos, evitando dores nos calcanhares. Realize em sequência:

  • sente-se sobre os joelhos;

  • fique com os pés esticados e as solas voltadas para o teto;

  • mantenha as costas retas e o peso corporal sobre a panturrilha;

  • incline lentamente para trás em comprimento dos músculos do tronco, mantendo a curva dos pés para apoiar o corpo;

  • permaneça na posição por 30 segundos e realize três repetições com pausas de 1 minuto.

Arcos

Por ser constituído em várias terminações nervosas e pontos de pressão, essa área está suscetível a dores no enrijecimento dos músculos. O alongamento para essa parte dos pés é bem simples:

  • use uma bola de tênis colocada abaixo dos pés descalços;

  • aplique um pouco de pressão sobre o objeto;

  • realize movimentos com a bola por todo o pé até o calcanhar;

  • repita por cinco minutos de maneira lenta e constante, usando um pouco a pressão para a certificação de um exercício eficaz.

Músculo gastrocnêmio

Localizado na parte traseira das panturrilhas, é propenso a espasmos dolorosos que são resultados da permanência em pé por tempo prolongado, bem como o uso de sapatos de salto alto. Porém, podem ser evitados com a adoção de alongamentos adequados, como o que será exposto:

  • use uma superfície elevada que permita conforto no ato de ficar em pé (degraus, bancos etc.);

  • mantenha os calcanhares no ar com apoio adequado para inclinar-se para frente;

  • coloque o pé esquerdo na superfície, mantendo a parte traseira no ar;

  • cruze o pé direito atrás do esquerdo, levantando-os em movimentos repetitivos;

  • faça duas repetições por pé de 30 a 60 segundos.

Panturrilha em posição sentada

Com pouco esforço é possível manter pernas e pés flexíveis. É necessário utilizar tiras de tecido, corda ou elástico. Veja o exemplo:                                                 

  • sente-se no chão com as costas eretas;

  • dobre a perna direita e estique a esquerda;

  • coloque a faixa em volta dos pés, segurando-as com as duas mãos;

  • puxe lentamente a faixa, sem dobrar o joelho;

  • alongue de 20 a 30 segundos, com repetições em ambas as pernas.

Yoga

A yoga é utilizada como forma de alongamento para todo o corpo. Por isso, é necessário cuidado ao desenvolvê-la. Sendo assim, fique atento às suas limitações. Uma das opções é:

  • deitar-se no chão em posição de prancha (bruços);

  • levantar a pélvis para cima, em posição de V invertido;

  • empurrar o pé direito para baixo até alcançar o chão;

  • em 30 segundos alternar a perna.

Diante disso, destacamos a relevância de exercitar-se e dos benefícios que dedicar alguns minutos por dia à prática, podem trazer à saúde do corpo. Tratando-se especificamente do alongamento para os pés, a preocupação em mantê-los livres de dores e da má circulação é muito importante, pois reflete no bem-estar ao ser humano.

Então, gostou do post? Aproveita e curta a nossa página no Facebook para ficar por dentro de outros conteúdos como este, para garantir conforto e qualidade de vida. Até a próxima!

 

J.B.F INDÚSTRIA DE CALÇADOS EIRELI - CNPJ: 26.847.557/0001-56 - Rua Coronel Tamarindo, 2817 | Franca-SP | CEP: 14.405-140